ORTOPEDIA

Síndrome do ombro doloroso

Dr. Carlos Mattos

A síndrome do ombro doloroso é uma patologia ortopédica que pode causar dor e impotência funcional em graus variáveis e que acomete diferentes estruturas, como articulações, tendões, ligamentos, bursas e músculos.

Essa síndrome pode ser ocasionada por diversos problemas ortopédicos: artrose de ombro, tendinite calcária, lesão do manguito rotador, capsulite adesiva ou luxação.

No caso de artrose do ombro, essa é uma degeneração da cartilagem que resulta no aumento de atrito entre as articulações, causando assim dor e limitação de movimento. Se a causa for tendinite calcária, há depósito de cálcio nos tendões do ombro, ocasionando desconforto que inicia leve, mas que subitamente pode passar a incomodar bastante.

No entanto, se o diagnóstico for de lesão do manguito rotador, normalmente esse problema acontece por tendinite, entorse ou ruptura do músculo e tendões. Já a capsulite adesiva gera dor e limitação de movimento pela inflamação da cápsula articular do ombro, enquanto a luxação se refere à perda de contato articular.

Todos esses problemas causadores de dor no ombro podem facilmente irradiar para outras regiões do corpo, como braços, tórax e costas, por isso é extremamente importante procurar um especialista para fazer o diagnóstico correto.

Com relação ao tratamento da síndrome do ombro doloroso, depende de qual foi a causa diagnosticada, mas inicialmente o protocolo conservador é o adotado, usando medicamentos e fisioterapia. Em casos mais complexos, o médico responsável pode optar por uma cirurgia artroscópica.

Dr. Carlos Mattos é médico ortopedista, especialista em Cirurgia do Ombro e Lesões Esportivas, Chefe do Departamento de Ortopedia da PUC-Campinas e Diretor Clínico do Hospital PUC-Campinas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *