ORTOPEDIAPATOLOGIA DO OMBRO

Tendinite calcária

Dr. Carlos Mattos –

A tendinite é uma inflamação dos tendões que resulta em muita dor, edema e inchaço na região, com auge dos sintomas no período noturno, por conta da movimentação do membro afetado durante o dia, sendo mais comum acometer ombros, cotovelo, punho, joelho e tornozelo.

A tendinite calcária é o tipo de tendinite em que o ombro sofre uma calcificação do tendão, sendo mais comum em mulheres e pacientes na faixa dos 40 anos. No ombro essa calcificação ocorre com mais frequência no tendão supra-espinal ou no tendão infraespinal.

Não existe uma causa específica reconhecida, mas associa-se a tendinite calcária à ocorrência de uma tendinite prévia, que pode ter causado diminuição da vascularização do tendão.

O depósito de cálcio acontece de forma lenta no decorrer dos meses e passa por uma fase de reabsorção, quando esse depósito será parcial ou totalmente reabsorvido. Mas em alguns casos o paciente não passa por essa fase e permanece com a calcificação por tempo indeterminado.

Sintomas

Assim como uma tendinite leve, pode causar dor e desconforto leves, podendo atingir uma dor intensa de repente.

Diagnóstico e tratamento

Através de exames de imagem como radiografias é possível observar o ombro em rotações interna e externa, isso se o depósito de cálcio já estiver formado. Caso contrário, ultrassom e ressonância magnética podem ser necessários para descartar outras patologias.

O tratamento depende do estágio da calcificação. Quando o paciente está passando pela fase de reabsorção e sente muita dor, são prescritos analgésicos e anti-inflamatórios. Em casos mais avançados pode ser necessário realizar uma infiltração no ombro através de injeções com corticoides e anestésicos locais, aliviando a dor.

Em outras fases da tendinite, pode ser recomendado o tratamento através de fisioterapia e medidas preventivas.
Já em casos crônicos, quando não há reabsorção e os sintomas persistem mesmo após tratamento de reabilitação, a cirurgia pode ser uma opção, onde será realizada a extração da calcificação através de aspiração e drenagem.

Dr. Carlos Mattos é ortopedista, especialista em Cirurgia do Ombro e Lesões Esportivas, Chefe do Departamento de Ortopedia da PUC-Campinas e Diretor Clínico do Hospital PUC-Campinas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *