LESÕES ESPORTIVASORTOPEDIAPATOLOGIA DO JOELHO

Viscossuplementação no tratamento da cartilagem

Viscossuplementação no tratamento da cartilagemossuplementação

Dr. Carlos Mattos – Tenho recebido muitos pacientes com problemas na cartilagem do joelho procurando tratamento para continuar suas atividades diárias e esportivas e manter a qualidade de vida. A cartilagem é uma parte muito importante das articulações porque ela serve como amortecedor do impacto de um osso com outro. O problema é que a cartilagem tende a se desgastar ao longo do tempo por uma série de fatores, como atividades de impacto, idade, sobrepeso, esforço repetitivo, alterações hormonais, deformidades etc.

Esse desgaste com o passar dos anos se transforma em osteoartrite, ou simplesmente artrose. A artrose é classificada em vários graus, desde o mais leve, grau I, até o mais sério, grau IV, que na maioria das vezes o tratamento é apenas cirúrgico, substituindo a articulação comprometida por uma prótese, mas isso é algo para pacientes mais idosos.

Dessa forma, em pacientes com problemas de cartilagem, existem algumas medidas de tratamento bastante eficazes e com comprovação científica. Uma delas é o uso de viscossuplementação, procedimento que injeta ácido hialurônico (substância gelatinosa) no joelho do paciente com doença da cartilagem. Como esses pacientes ficam com as articulações desgastadas o ácido hialurônico ajuda a amortecer e a lubrificar o joelho.

O ácido hialurônico é um polissacarídeo produzido naturalmente pelas células tipo B da membrana sinovial e suas moléculas de elevado peso molecular formam uma solução de alta viscosidade. Ao injetar o ácido hialurônico no joelho do paciente, ele ajuda a melhorar as propriedades do líquido sinovial, servindo tanto como um lubrificante quanto como um amortecedor de choques; melhora a dor e diminui a inflamação; estimula positivamente os condrócitos, retardando assim a evolução da osteoartrite.

São muitos os estudos demonstrando as características mecânicas, anti-inflamatórias, analgésicas e de estimulação dos condrócitos da viscossuplementação. É, portanto, um tratamento indicado para esse perfil de paciente, que juntamente com outras medidas, como controle de peso, alimentação saudável, atividades físicas, contribui para sua melhora.

O tratamento com viscossuplementação, através da injeção intra-articular, é feito no próprio consultório e não requer nenhum preparo especial. O paciente já começa a sentir e melhora no mesmo dia. Em geral, são três aplicações, uma por semana.

Dr. Carlos Mattos é ortopedista, especialista em Cirurgia do Ombro e Lesões Esportivas, Chefe do Departamento de Ortopedia da PUC-Campinas e Diretor Clínico do Hospital PUC-Campinas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *