ORTOPEDIA

Artrose

Dr. Carlos Mattos

Dificuldade para realizar movimentos e atividades simples do dia a dia, dor, inchaço e rigidez nas articulações são alguns dos sintomas mais comuns daqueles que sofrem coma artrose, processo degenerativo crônico que provoca além da degeneração a deformidade das articulações.

A principal causa para o surgimento da artrose é o desgaste natural das articulações e da cartilagem que vamos apresentando conforme envelhecemos. Porém, traumas, doenças metabólicas, reumatismos e profissões que exigem movimentos repetitivos assim como esportes de impacto e de torção, como futebol e basquete, também sobrecarregam as articulações e favorecem o desgaste, principalmente dos joelhos, mãos, ombros, quadril e coluna.

Além dessas causas, pessoas com histórico da doença na família, acima de 60 anos, mulheres e obesos são os mais propensos a serem afetados pela patologia, que além dos sintomas já citados podem ainda sofrer com o surgimento de deformações nas articulações afetadas.

Para o diagnóstico, além de realizar o exame clínico e ouvir as queixas do paciente, solicitamos exames de imagem. Apesar de não ter cura, por se tratar de um problema degenerativo, há tratamentos específicos para controlar os sintomas da artrose, como fisioterapia, uso de medicamentos, exercícios físicos, reeducação alimentar para casos de artrose relacionada ao excesso de peso afim de aliviar dores, e colocação de órteses de apoio.

Em casos mais graves, em que a artrose não melhora e as dores permanecem, pode-se recomendar a cirurgia para a colocação de prótese articular no local afetado, principalmente prótese de ombro, joelho e quadril. Nesse tipo de cirurgia, a articulação é substituída por uma prótese.

O mais importante é a prevenção, evitando-se excesso de peso, má postura, exercícios repetitivos, carregar peso e, claro, fazer um trabalho de fortalecimento muscular. Ao sentir os primeiros sintomas da artrose, procure um médico ortopedista para iniciar o tratamento o mais precoce possível.

E lembre-se de não confundir artrose com artrite, que apesar das duas patologias apresentarem sintomas parecidos e atingirem os mesmos locais, são diferentes, já que a artrose é um tipo de desgaste causado por um fenômeno natural do nosso corpo, a degeneração da articulação, enquanto a artrite é um processo inflamatório. Essas duas situações podem acontecer simultâneas, mas são diferentes.

Dr. Carlos Mattos é ortopedista, especialista em Cirurgia do Ombro e Lesões Esportivas, Chefe do Departamento de Ortopedia da PUC-Campinas e Diretor Clínico do Hospital PUC-Campinas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *